Era uma vez um lugarzinho!

Ao saber que fui aprovada no projeto me veio um misto de sentimentos, a saudade que ficaria dos familiares e a ansiedade de conhecer a comunidade e minha nova família!


Então o grande dia chegou, e lá se foram 40 horas de viagem e de muita ansiedade. E finalmente chegamos, ao descer do ônibus me surpreendi com a realidade e imensidão daquele lugar e como as pessoas eram receptivas e amorosas. A cada frase que escrevo, uma nova lágrima se forma nos meus olhos. Mas isso deve ser um bom sinal, sinal de que pelo menos por algum tempo conheci o mais puro e valioso sentimento que pode existir entre as pessoas. O amor.


Durante 15 dias me senti acolhida e amada, não somente pela minha mainha baiana (Lita), mas também pelas minhas duas irmãzinhas/amigas que o Projeto me proporcionou. Essa viagem me fez acreditar na minha vida acadêmica, fortaleceu minha esperança e me fez ver o tamanho da minha capacidade!


E sobre esse lugarzinho:

Ah Canudos, a saudades é de matar!

#2016 #Fisioterapia #Diário

Posts Recentes
Procurar por tags
Nenhum tag.
Arquivo