Lugar que nunca será esquecido

Fazer parte dessa experiência conjunta é até difícil de descrever. São inúmeras sensações, sentimentos e mudanças que ocorreram na minha forma de ver o mundo. Acho que para iniciar, quero falar sobre o grupo que formamos para as ações em Canudos. Creio que a palavra que resume esse grupo é nobreza.Foi um grupo que estava disposto a fazer o que estivesse ao alcance para que o Projeto ocorresse, mesmo que não pudessem ir até Canudos fisicamente. Me sinto grata por conhecer cada um deles, e posso dizer que fizeram parte das ações conosco. Sobre o grupo que foi até Canudos, o que tenho a dizer é: foi incrível. Inúmeras risadas. músicas cantadas por todos (berradas pela maioria e cantadas pelo Rafa e pelo Vini). Os shows ao vivo dos artistas do grupo foram ótimos. Desabafos. Ombros amigos. E o que mais me afetou, foi a liga, a liga-ação que tínhamos em todos os momentos, nos fáceis e nos nem tão fáceis assim. Sobre os moradores: é envolvente o acolhimento das pessoas. A convivência com a família que nos adota me deixou com a sensação de que tinha ganhado um lar em Canudos. Com a convivência e os atendimentos que fizemos nas casas das pessoas, algo me tocou profundamente: sentir que a felicidade das pessoas daquele lugar não estava relaciona a bens materiais. Me perguntaram: mas como podem ser tão felizes sendo pobres? Respondi: nós é que somos pobres. E essa percepção não foi romântica. Percebi que eles carecem de certos serviços e oportunidades, senão o Projeto não teria sentido. Eles carecem de políticas públicas, e estávamos lá para ajudá-los com isso, não para suprir, mas para ajudar na busca por esse direito, e fornecer o que estivesse ao nosso alcance. A frase "o sertanejo é antes de tudo um forte" pode ser complementada: "com grande coração". Foi uma experiência intensa. Sincera. Inédita. E incrivelmente afetuosa. Não é um ambiente fácil para a sobrevivência. Não é um lugar com riquezas materiais. Não é um lugar com confortos da cidade grande.É um lugar com pessoas calorosas e receptivas, que amam aquela terra, onde há o céu mais estrelado que já vi na vida. É um lugar em que há tempo para conversas na praça sem TV para interromper com a novela. É Canudos que tentou ser apagado, mas que nunca vai sair da minha memória.

#2015 #Psicologia #Diário

Posts Recentes
Procurar por tags
Nenhum tag.
Arquivo