Endereço: Av. Tijucussu, São Caetano/SP 

© 2018 por Instituto Brasileiro de Expedições Sociais/ Projeto Canudos. Todos os direitos reservados.

Recalculando rota

Quantas vezes não ouvimos no GPS a frase “ recalculando rota” , nunca pensei que ela me fizesse sentido ao retornar de um projeto de extensão. É curioso pensar em como tudo passou rápido....Para algumas pessoas tinham dias que se arrastavam...para outras o dia voava..Com o tempo percebemos que tudo aquilo que planejamos antes de chegarmos se torna bem diferente e bem mais intenso quando estamos presentes. Mas se tornam muito mais reais quando partimos de lá. 

Certa vez me disseram que só reconhecemos as coisas que nos acontecem quando expomos elas verbalmente, acredito assim que todas as pessoas que comentarem do projeto, com toda certeza perceberão a imensidão do feito.

Por muitas vezes ao final do dia eu me perguntava se eu estava doando em minhas ações o melhor de mim, e todas as vezes eu fiquei sem minha resposta. Eu sabia que podia fazer tudo que estava ao meu alcance, mas eu queria mais, queria ir além... 

Acredito que o único pensamento que eu parti e permaneceu constante e cada dia mais forte foi que encarar a desigualdade como algo totalmente normal, é encarar um monstro que se alimenta da ignorância de muitos. E mais do que isso, encarar a ignorância calado, seria o mesmo que desistir de lutar.... Sei que batalha dói e cansa, mas doeria mais saber que eu desisti. 

Como diz a minha tatuagem “ Todo mundo um dia morre mas nem todo mundo vive” posso não ter chego no final de todos os dias satisfeita com meu trabalho, mas eu não desisti de tentar ser melhor no dia seguinte, e não desisti até o dia de hoje.... Recalculei a Rota, mudei o foco e dentro das loucuras cotidianas estou encontrando uma maneira de não me conformar com as coisas banais do nosso dia a dia. Acho que aos poucos estou realmente entendendo que eu não sobrevivi a essa experiência eu vivenciei ela, e aproveitei cada segundo da mesma.

Algumas vezes eu pensei, que seria interessante se todos um dia passassem por experiências assim, se todos tivessem interesses assim...no fim eu conclui que não...que a beleza se encontra no fato de poucos terem essa visão tão pura. Como já disse o mestre Saramago em uma de suas obras "Há esperanças que é loucura ter. Pois eu digo-te que se não fossem essas já eu teria desistido da vida." – Isso se resume Canudos, a loucura, a iniciativa, a pureza, a bondade, a tentativa, o esforço....acreditar em um mundo mais humano. Acreditar e buscar dentro das loucuras a razão da realidade.

 

 

Share on Facebook
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procurar por tags
Arquivo
Please reload