Endereço: Av. Tijucussu, São Caetano/SP 

© 2018 por Instituto Brasileiro de Expedições Sociais/ Projeto Canudos. Todos os direitos reservados.

Privilégios

10.07.2014

Participar do Projeto Canudos como coordenadora para mim é um daqueles presentes que a vida às vezes nos traz de forma inusitada, para que olhemos para a nossa história de vida e tenhamos certeza de que todo o nosso esforço valeu a pena. O sonho da faculdade, a dedicação aos estudos, o trabalho duro como professora em sala de aula, noites sem dormir preparando aulas, corrigindo atividades, pesquisando, trabalhando e a vida pessoal tantas vezes colocada em segundo plano. 

Sinto que meu privilégio é triplo. Em primeiro lugar, por ter a possibilidade de conhecer em profundidade uma comunidade tão importante para a história da população brasileira e de atuar com essas pessoas que vivem vidas intensas, carregadas de afeto, sofrimentos e capacidade de reagir. Pessoas muitas vezes negligenciadas, que por vezes ficam a mercê da incerteza eventos climáticos como a chuva para conseguirem o básico para sua sobrevivência e que mesmo assim seguem resistindo, reagindo.

Em segundo lugar, me sinto privilegiada por poder compartilhar este trabalho com outros coordenadores que me fazem sentir acolhida e reconfortada no encontro, com os quais desejo compartilhar ideias, vivências, dores e amores. Pessoas que apostam junto comigo na capacidade de desenvolvimento da sociedade.

E, por fim, me sinto imensamente privilegiada por poder trabalhar com os nossos alunos. Participar da formação dos futuros profissionais de saúde no nosso país. Todas as vezes que vejo os alunos atendendo a comunidade, podendo pensar na saúde daquelas pessoas de maneira mais ampla e não a partir da tradicional redução do ser humano a uma somatória estéril de sintomas, fico emocionada. Da mesma forma, todas as vezes que vejo um aluno se emocionando com a vida humana genuína e construindo um vínculo de amor com aqueles que atendem, tenho a certeza de que estou no lugar certo, cumprindo o meu papel.

O peso da responsabilidade é imenso. Mas tenho certeza de que esta é a minha missão. A atuação em trabalhos de desenvolvimento comunitário como o do Projeto Canudos pode despertar simpatia em muitos, mas poucos conseguem compreender o verdadeiro sentido desse trabalho. Muitos irão lá para ver, conhecer, ajudar. No entanto, os que ficarão são aqueles que conseguirem se sentir privilegiados por trabalhar pela comunidade, e não aqueles que sentirem que a comunidade é privilegiada por receber o nosso trabalho.

 

 

Share on Facebook
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procurar por tags
Arquivo
Please reload